acne: 5 ingredientes para tratar

por

Loma Sernaiotto

skincare
lifestyle
follow me

publicitária santista, especialista em estética e cosmética, vivendo em Seoul desde 2015. tô na blogosfera há +15 anos e compartilho tudo que aprendi neste espaço.

Bem Estar
Receitas
Blogging
Viagens
leia também:

loma sernaiotto

Entender que existem vários tipos de acne – e diferentes métodos de cuidado – é o primeiro passo para identificar e tratar com eficiência.

Antes de mais nada, gostaria de falar sobre a importância de normalizamos a acne, assim como peles reais. Esse ideal de pele perfeita, sem poros ou marcas aparentes, não faz mais sentido em 2021. Pensando nisso, abordei o tema no meu instagram e gostaria de trazer o debate pra essa plataforma: o que, afinal, é uma pele perfeita?

Está tudo bem sentir incômodo diante de espinhas – mas é importante percebermos que também está tudo bem não sentir incômodo algum. Se sua acne não te incomoda, não deveria incomodar mais ninguém. Para buscar ajuda e tratamentos certos, é necessário decidir que isso te faz mal e um bom primeiro passo é entender sua causa e os métodos mais eficazes de tratamento.

Para escolher o melhor tratamento, você precisa se familiarizar com os quatro métodos básicos de combate à acne vulgar, segundo Dr. Neal Schultz – professor clínico de dermatologia da Faculdade de Medicina Mount Sinai em NY. Nenhum deles inclui “espremer”, viu? Olha só:

  • matar as bactérias causadoras de acne;
  • esfoliar as células mortas que entopem os poros;
  • remover o excesso de óleo ou
  • diminuir a inflamação da pele.

Além disso, também é necessário conhecer os tipos de acne antes de tratar.

Pra entender melhor sobre eles, recomendamos uma visita a um médico especialista e a leitura desse artigo sobre acne do Manual MSD – com sintomas, causas e até fotos de cada caso (as imagens são fortes, então consulte com cautela).

5 ingredientes para acne

Os 5 ingredientes que eu compartilho abaixo são os mais eficazes – e até populares – no combate a acne, seja no uso diário em produtos da sua rotina ou em tratamentos específicos recomendados por dermatologistas.

Porém, esse artigo não substitui a necessidade de uma consulta com seu médico para identificar seu tipo de acne, o seu tipo de pele e a melhor forma de prevenir e tratar o problema. O objetivo aqui é informar, pra que você possa tomar decisões conscientes e informadas na busca por ingredientes pra inserir na sua rotina de cuidados.

1. Ácido salicílico – esfoliante

O ácido salicílico é um beta-hidroxiácido eficaz e poderoso que ajuda a manter os poros limpos ao esfoliar dentro do folículo piloso, segundo Diane Berson, MD, professora assistente de dermatologia na Weill Medical College da Cornell University e dermatologista na cidade de Nova York. “O ácido salicílico está relacionado à aspirina, que possui propriedades anti-inflamatórias, por isso geralmente é melhor tolerada que o ácido glicólico”, explica. Dr. Berson sugere procurar 2% de ácido salicílico em seu tratamento para acne sem receita.

Ideal para acne: hormonal, cística, whiteheads, cravos

2. Peróxido de benzoílo – antibacteriano

“É o ingrediente mais eficaz para o tratamento de acne, em vez de apenas prevenir a acne”, diz o Dr. Schultz. “Mata bactérias, remove o excesso de óleo e esfolia as células mortas da pele”. Você encontrará concentrações que variam de 2,5% a 10% em produtos de limpeza facial, loções, cremes, géis e tratamentos de manchas para combater espinhas.

Ideal para acne: hormonal, inflamatória, cística

3. Vitamina A – anti-idade

Embora a vitamina A (retinol nos produtos OTC e retinóide quando na forma de Rx) seja um herói por sua capacidade de aumentar a produção de colágeno e, portanto, evitar rugas, também é um esfoliante eficaz, para manter os poros limpos. “A vitamina A é o ingrediente mais poderoso em dermatologia”, diz o Dr. Dhaval G. Bhanusali, M.D.. A vitamina A ajuda em tudo, desde a acne até fazer com que os poros pareçam menores e diminui a vermelhidão e manchas escuras.

Ideal para acne: inflamatória, whiteheads, cravos

4. Melaleuca – antiinflamatório

tem propriedades antibacterianas e anti-inflamatórias para ajudar a acalmar a acne. “Melaleuca é um dos meus ingredientes favoritos”, diz o Dr. Schultz. A pesquisa mostrou que 5% de óleo de tea tree tem resultados comparáveis a 5% de peróxido de benzoíla. Mas esse remédio natural pode ser muito duro para alguns; pessoas com pele sensível ou eczema devem ter cuidado ao usar o óleo de melaleuca.

Ideal para acne: inflamatória, whiteheads, cravos

5. Ácido azelaico – antibiótico

Este tipo de tratamento da acne mata bactérias e esfolia as células mortas da pele que podem obstruir os poros. “Ele trabalha para reduzir P. acnes, por isso é como um antibiótico”, explica o Dr. Tanzi. O ácido azelaico (Azelex, Finacea), que vem em forma de creme e gel, é melhor para acne leve a moderada.

Ideal para acne: inflamatória, cística

Bônus: Niacinamida – antioxidante

Quando você lida com espinhas, na maioria dos casos, você também enfrenta irritações e inflamações, além do potencial de cicatrizes após tratar (ou espremer, não faça isso).

É aí que entra a Niacinamida. “A niacinamida é um antioxidante derivado da vitamina B3 que combate a acne e mantém a inflamação e manchas escuras afastadas“, diz o fundador do Curology e dermatologista certificado David Lortscher, MD. O ingrediente também é conhecido por sua capacidade de clarear a pele e aumentar sua barreira de proteção, além de apoiar a estimulação saudável do colágeno.

E, diferentemente dos outros ingredientes desta lista, é suave o suficiente para ser usado em todos os tipos de pele (sim, inclusive a pele sensível) e não causa secura ou descamação.

Não se esqueça de consultar um médico especialista e se você gostou do conteúdo, compartilhe clicando nos botões abaixo (celular) ou na esquerda da tela (PC). Obrigada por estar aqui.

Comentarios +

Reply...

vem com

a Lominha:

read the

blog

take the

quiz

eu falo sobre beleza com (cons)ciência na internet mais perto de você. ;)

get my

emails