os 5 tipos de acne e como identificar

Loma Sernaiotto

skincare
follow me

Curiosa. Filha de Iemanjá e Xangô. Publicitária, tatuadora cosmética. Blogueira há +15 anos. E muito feliz em ter você aqui.

Receitas
Blogosfera
Wellness
Viagens
leia também:

loma sernaiotto


Photo by ShotPot from Pexels

Photo by ShotPot from Pexels

Eu descomplico os tipos de acne para que você possa focar na parte mais importante: como prevenir e cuidar.

Antes de sair se auto-medicando (não faça isso!) ou procurando tutoriais na internet, é muito importante entender qual o tipo de acne que você tem – e elas são comumente divididas em 5 tipos, sendo 3 deles mais comuns:

acne grau I: comedônica

São os comedões abertos e fechados, sem sinais inflamatórios. Ou seja, aqueles cravos escuros ou brancos causados pela obstrução de poros e acúmulo de sebo ou sujeira.

Comedões: obstrução de poro por queratina e sebo;

comedões fechados

A comum espinha com um ponto branco no centro, causada pelo congestionamento do poro. O que acontece é que as células da pele ficam grudadas nos poros, bloqueando a abertura. O branco que você vê no topo é o poro bloqueado, enquanto o óleo que fica preso se mistura com sujeira e bactérias, causando inflamação e inchaço.

comedões abertos

Cravos são pequenos pontos escuros obstruindo seus poros. Isso acontece pois a secreção que não consegue ultrapassar a abertura do poro (como acontece com as espinhas) se acumula formando comedões abertos, sem uma camada superficial, que oxidam e escurecem em contato com o ar.

acne grau II: papulo-postulosa

São as pápulas vermelhas (inflamadas) e pústulas com pus geralmente causadas pela presença de bactérias na pele.

Pápulas e pústulas: lesão sólida da pele, elevada, com menos de 1 cm de diâmetro;

acne papular

Uma espinha inflamada e dolorosa que pode gerar inchaço, mas sem um ponto branco. São um tipo de acne inflamatória causada pela bactéria P. acnes.

acne postulosa

Uma espinha inflamada e dolorosa que pode gerar pus (líquido brando ou amarelo). Um pouco parecidas com as espinhas tradicionais, mas fazem parte das acnes inflamatórias, causadas por bactérias.

acne grau III: nódulo-cística

Aparecimento de cistos e nódulos – lesões mais profundas, inflamadas e dolorosas que podem gerar cicatrizes. Causadas por flutuações hormonais e predisposição genética.

Cisto: bolsa de tecido, que pode ser cheia de ar, líquido, pus ou outro fluido.

acne hormonal

Geralmente caracterizada pelo surgimento repentino de espinhas em torno do queixo e da mandíbula, causada pelos nossos hormônios flutuantes – que podem promover a produção de óleo em excesso nesse período. Por isso, costumam aparecer próximo à menstruação.

acne cística

Se a espinha for grande, vermelha e dolorosa, provavelmente é acne cística, um dos tipos mais graves e mais difíceis de tratar. São causadas pela genética e pela estimulação hormonal das glândulas sebáceas e costumam ocorrer no mesmo local porque, mesmo que você consiga se livrar de uma, a região pode acumular óleo repetidas vezes.

acne grau IV e V

São tipos mais sérios e raros de acne vulgar, chamados de conglobata (nódulos, abcessos e cistos, muito inflamados e intercomunicantes) e fulminans (forma rara que exige internação hospitalar), respectivamente. Esses tipos não são tão comuns e exigem tratamento médico.

Para entender melhor sobre os tipos de acne, recomendamos uma visita a um médico especialista e a leitura desse artigo sobre acne do Manual MSD – com sintomas, causas e até fotos de cada caso (as imagens são meio fortes, então consulte com cautela).

Se sua acne persistir após oito semanas, visite um dermatologista, especialmente se você tiver espinhas grandes e muito doloridas. A cicatriz pode ser evitada se você tratar a acne no começo, mas será permanente se ignorar (ou espremer).

Você já teve que lidar – ou ainda lida – com acne?

julho 10, 2020

comente aqui!

  1. […] termo nasceu pois muita gente começou a sofrer pelo crescente aparecimento de acne com o uso de […]

Deixe seu comentário

vem com

a Lominha:

leia o

blog

entre pra

comunidade

compartilho meu lifestyle com (cons)ciência na internet mais perto de você. ;)

receba meus

emails