8 cuidados com a sua pele para 2018

8 cuidados com a sua pele para 2018

Eu me tornei a louca dos cuidados com a pele desde que mudei para a Coreia do Sul – já falei um pouco sobre isso. Apesar de encontrar todos os tipos de maquiagem – e adorar os bb creams da Etude House – tenho evitado usar diariamente por alguns motivos: é cansativo, obstrui meus poros, tem que ficar retocando ao longo do dia e, o mais importante, eu não sei me maquiar (pronto, revelei essa verdade).

Pra sair audaciosamente sem maquiagem – na terra das peles perfeitas – eu preciso cuidar muito bem da minha pele. Na verdade, eu vejo a nossa pele como uma tela que pode ser pintada de inúmeras formas. Mas se a tela não for boa, tiver buracos ou uma textura ruim, não adianta o quão incrível é a tinta que você põe nela. Uma pele bem cuidada é o primeiro passo de uma maquiagem impecável – ou de uma vida livre de maquiagem. Você escolhe.

1. Água, água e mais água

Esse discurso de beba água e passe protetor solar (inclusive, ele é um item dessa lista também) é mega clichê e todo mundo já cansou de ouvir. Mas isso acontece porque é real: hidratar de dentro pra fora gera muito mais resultados do que passar 500kg do melhor creme hidratante extraído dos Alpes.

Estipule uma meta, use um app para controlar a ingestão de água (eu uso esse aqui) e não esqueça de se hidratar. Além de inúmeros benefícios no nosso corpo, a água auxilia no processo de remoção de toxinas (que podem afetar o aspecto da nossa pele) e também nos mantém hidratados, prevenindo rugas ou marcas finas no rosto.

Para ajudar: receitas para águas aromatizadas e detox. 

2. Use protetor solar, sim

Outro clichêzão, mas se você colocar em prática agora, evita problemas no futuro: seja um câncer de pele (a gente acha que nunca vai acontecer com a gente) ou o envelhecimento da pele (esse a gente sabe que vai acontecer mesmo, né?). Falando em envelhecimento, o Sol agiliza demais esse processo natural! Essa foto é super popular no ramo da medicina, pois mostra o efeito que o Sol causou no rosto de um homem que ficava exposto apenas de um lado. Você vê a diferença enorme entre o lado afetado pelo Sol e o lado que não estava exposto diretamente aos raios UVA (que penetram na camada mais funda da pele e destrói as fibras elásticas).

E não tô falando do protetor solar que a gente usa pra ir até praia. Eu tô falando do protetor pra usar na sua cara lindona todo santo dia, até mesmo dentro de casa (a nossa lâmpada é uma arqui-inimiga da pele também). Adicione o protetor solar – ou os cremes com fator de proteção – na sua rotina. Existem inúmeras variações com cheiros ou sem, com cor ou sem, pra vários tipos de pele e de N marcas diferentes! Reaplique com frequência. E use todo dia. Seu eu do futuro vai agradecer.

3. Limpeza – pouca, mas boa

Quando eu tinha a pele muito oleosa (dava pra fritar uns ovos na minha testa), eu tinha mania de lavar o meu rosto a cada 3 horas, sempre com aqueles sabonetes que ardiam pra caramba e deixavam a minha pele mega seca por 10 minutos. E depois, o ciclo se repetia pois brotava óleo novamente. E acne. E sofrimento.

Remover toda a camada de óleo natural da sua pele vai incentivá-la a produzir mais óleo – parece meio besta, né? Mas é a verdade: quanto mais remover óleo, mais óleo ela vai produzir. Isso acontece pois alguns sabonetes com álcool removem o óleo natural, deixando a pele ressecada por alguns minutos e incentivando a produção de mais óleo, causando aquela falsa sensação de limpeza. Então, cuidado.

O ideal é lavar o seu rosto no máximo 3 vezes ao dia – mas quando lavar, limpar muito bem e com produtos que respeitem sua pele.

Fique de olho nos ingredientes: produtos a base de álcool desnaturado causam mais danos do que ajudam! Agora, os que contém álcool cetílico ou álcool estearílico tem função emoliente e beneficiam a pele.

Se sua pele é oleosa como a minha foi, foque em controle do óleo (e não na remoção) e nos poros, para evitar que eles entupam e gerem acne. Produtos a base de acetil salicílico, a base de água ou em textura de gel se dão melhor nesse tipo de pele. Use sabonetes gentis para a sua pele e invista em tea tree – para evitar inflamações.

Limpe somente o necessário e sempre converse com sua dermatologista a respeito de produtos e componentes!

4. Vitamina C

Eu sou viciadíssima em vitamina C – e não tô falando daquela que dissolve na água pra beber, apesar de eu gostar também. Eu tô falando do componente Ácido Ascórbico (L-ascorbic Acid), um dos tipos de vitamina C muito usado em cosméticos Ele é amplamente conhecido por seus benefícios antioxidantes, aumentando a produção de colágeno enquanto ajuda a tratar os danos causados pela exposição UV.

Entre seus benefícios, quando usado na rotina de cuidados com a pele, a Vitamina C ajuda a uniformizar o tom de pele, protegendo a pele do impacto visível da poluição e do Sol, melhora na hidratação e retarda o processo de envelhecimento da pele.

Na teoria, é tudo lindo. Mas depois que eu inseri a Vitamina C na minha rotina, eu senti uma pele com um brilho natural, mais firme e uniformizada: muitas manchas de acne persistentes saíram! Hoje, eu não vivo mais sem e uso todo dia um sabonete a base de vitamina C, um hidratante e quero um serum também.

Importante: todos os antioxidantes, incluindo a vitamina C pura e suas variações, são vulneráveis quando expostos ao ar e à luz. Isso significa que se você quiser obter os melhores resultados possíveis de seus produtos com Vitamina C, compre apenas aqueles que são embalados em tubos opacos ou recipientes com pump que não sejam transparentes, para que os ingredientes permaneçam estáveis depois de aberto.

Para ajudar: 18 alimentos ricos em vitamina C para inserir na dieta. 

5. De dentro pra fora

Uma das formas mais importantes para cuidar da sua pele em 2018 é de dentro pra fora: o que você come tem total relação com a forma como a sua pele vai se comportar. Eu nunca dei muita bola pra isso e confesso que não tenho uma alimentação regrada, mas notei que espinhas surgem quando eu como muita fritura ou açúcar, a pele fica super opaca e cheia de texturas estranhas quando eu como fast food – e totalmente sem vida e seca quando eu esqueço de beber água no dia anterior.

A dica para 2018 é: fique atenta em como a sua pele reage diante dos alimentos que você consome. Adicione vegetais e legumes à sua dieta e – com o risco de ser BEM repetitiva – não esqueça da água!

Para ajudar: o livro Eat Beautiful da Wendy Rowe (em inglês). Recomendo para quem quer estudar mais sobre os efeitos dos alimentos na nossa beleza (pele, unhas, cabelos) e como começar uma dieta com foco nos benefícios pro nosso corpo.

6. Dermocosméticos

É a palavra chave para 2018! Hoje as pessoas não estão mais preocupadas com o que o vendedor diz ou o rótulo anuncia que faz: elas querem saber o que estão consumindo, os componentes daquele produto, onde ele foi fabricado. Isso é muito incrível em todos os setores, nossa alimentação, nossa beleza, nossas roupas. Eu acredito que a gente tem que tomar muito cuidado com tudo aquilo que consome pois isso afeta quem somos e como nosso corpo reage.

Os dermocosméticos são produtos com ativos farmacológicos que agem nas partes mais profundas da pele, produzindo melhora de dentro para fora. Não são simples cremes hidratantes, eles são cremes com funções mais profundas e até medicinais – que vão beneficiar não apenas sua beleza como a sua saúde. Pra que usar um sabonete qualquer para acne se você pode comprar um sabonete com componentes químicos e naturais específicos para essa causa, que não vão apenas aliviar o seu problema, mas vão tratar e prevenir que ele apareça novamente?

Os dermocosméticos estão com tudo em 2018 e as pessoas estão cada vez mais optando por tratamentos com dermatologistas e esteticistas, usando produtos para tratar a causa dos problemas – ou cosméticos que possuam os mesmos componentes e benefícios para alcançar resultados parecidos.

Leia os rótulos, estude os componentes, aprenda o que é melhor para a sua pele e o que deve ser evitado. Invista o seu dinheiro em um produto bom – e talvez um pouco mais caro – mas que enfrente diretamente a causa do problema, prevenindo que você gaste muito mais depois com mil produtos diferentes que apenas escondem os sintomas por uns dias. ;)

7. Niacinamida

Se você me acompanha no Instagram (me segue, vem) já deve ter me ouvido falar esse nome algumas vezes. Niacinamida (ou Nicotinamida – NAA) é uma vitamina encontrada em alimentos como leveduras, carne, leite e vegetais verdes – pode ser usada como medicamento e vitamina (ela faz parte da família de vitaminas B, mais precisamente a B3), mas na área cosmética ela é ideal para inúmeros problemas e condições para todos os tipos de pele, sendo os mais famosos acne e marcas.

Não precisa se desesperar e achar que isso é coisa de gente que manja de química: hoje a gente tem a internet a nosso favor para pesquisar sobre os componentes dos cosméticos que usamos e aprender seus benefícios!

Entre a lista de problemas que a Niacinamida ajuda a resolver, estão:

  • acne e inflamações
  • hiperpigmentação e manchas escuras
  • texturas diferentes da pele
  • poros dilatados
  • vermelhidão e sensitividade
  • superprodução de óleo
  • linhas finas e envelhecimento prematuro

Para ser eficaz, a quantidade de niacinamida no produto deve ser significativa – entre 10% e 12% geralmente serão suficientes para resultados visíveis. A niacinamida é melhor combinada com outros antioxidantes, como vitamina E, vitamina C e uma variedade de óleos e extratos vegetais naturais. Portanto, adicionar como 1 dos produtos na sua rotina já ajuda muito!

Eu uso a Niacinamida todos os dias como serum (10% niacinamida + zinco), logo depois do sabonete de Vitamina C e do meu toner.

Mas vale lembrar: SEMPRE converse com sua dermatologista ou esteticista sobre novos componentes que você quer testar na sua rotina de cuidados, ok?

8. Esqueça quantidade

Quando eu comecei a pesquisar mais sobre os cuidados com a pele que as coreanas usam e suas rotinas de 10 passos, 15 passos e inúmeros produtos, eu fiquei bem assustada! Eu nunca fui de passar nenhum creme sequer e agora ia precisar usar (e comprar $$$) uns 15 produtos pra usar todos os dias?

Com o tempo eu aprendi a valorizar a qualidade da minha rotina de skincare bem mais do que a quantidade. Tem passo que eu pulo. Tem produto que não uso. E tá tudo bem seguir seu próprio estilo e respeitar a sua pele.

Cuidado com a pele é acerto e erro: a gente testa, analisa os resultados, vê o que caiu bem e o que não deu muito certo. Hoje eu consegui montar uma rotina para a minha manhã e noite com alguns produtos que eu uso frequentemente e que me trouxeram os resultados que eu queria. Então esqueça um armário cheio de cremes, seruns, toners, essências e exfoliantes: compre e use apenas aquilo que funciona pra você!

 

Quer aprender muito mais sobre pele e skincare coreana? Recomendo o livro The Little Book of Skincare, a minha pequena bíblia de cuidados com a pele que eu deixo na cabeceira! Se esse post foi útil, compartilhe nas suas redes sociais! :)

Qual é o cuidado com a pele que você já põe em prática?

Imagens por Shutterstock

Loma

De Santos (SP) morando na Coreia do Sul. Publicitária, blogueira há 13 anos & idealizadora do ORGblog. Quer me stalkear?

9 comments

Leave a comment
  1. maki

    14 de Fevereiro de 2018 at 11:11

    toda vez que vejo esses seus posts de skin care eu tenho vontade de JOGAR TUDO O QUE EU TENHO FORA E CORRER NA FARMÁCIA MAIS PRÓXIMA PRA FICAR LENDO RÓTULOS E ME SENTINDO A PROTAGONISTA DE BRAKING BAD. sério. tô doida pra experimentar coisas com Vitamina C (apesar de já tomar muuuuuuuuuuuuuita água com limão) e terminar o Little Book of Skin Care pra entender melhor como cuidar bem bonitinho da minha pele ♥

    • Loma

      14 de Fevereiro de 2018 at 11:48

      OH NOES! Mas a ideia não é essa, amiga! É aproveitar aquilo que vc já usa e dá super certo + incorporar coisas novas aos pouquinhos. Sempre que pintar dúvidas sobre korean skincare, me grita. O que eu não souber, a gente aprende juntas HAHA beijaaaaas!

  2. Mel

    14 de Fevereiro de 2018 at 12:01

    Aaaah que post maravilhoso, amiga! Tava bebendo água enquanto lia hehe amo!
    Nossa, eu preciso ter o hábito de usar filtro solar sempre. Não sei, pra mim é sempre uma tortura usar, sabe? Felizmente eu recebo alguns de marcas bem boas, mas eu não gosto de sentir que tô com algo na cara e parece que qualquer protetor que eu uso me deixa com essa sensação. É um saco ><
    O post ficou lindo, informativo e bem inspirador. Já quero cuidar ainda mais da minha pele e comprar esse livro aí <3
    :*

  3. Mariella

    14 de Fevereiro de 2018 at 13:31

    Amo suas postagens sobre skincare!

    O ‘The Little Book of Skincare’ está na minha lista de desejos da Amazon desde que você comentou sobre ele da primeira vez.

    Só não compro por medo de querer fazer como a colega acima, jogar tudo fora e comprar produtos novinhos!

  4. Valéria

    15 de Fevereiro de 2018 at 06:21

    Caraca, Loma. Esse post veio em ótima hora. Eu vim morar em Budapeste agora e tô num frio absurdo hahaha. É foda pq tipo, na rua o vento gelado bate e resseca muuuito a pele. E quando entro em casa, com o aquecedor ligado no máximo (rs), a umidade do ar cai muito e a pele resseca demais. Resultado: tô com dermatite pelo corpo todo, meu couro cabeludo tá se desfazendo em caspa (coisa que nunca aconteceu) e meu rosto tá despelando. Socorro! kkk

  5. Jess

    15 de Fevereiro de 2018 at 09:49

    que post fantástico.
    eu nunca sofri com a pele, mas com o avançar dos anos, tenho sentido um relativo retardo na capacidade regenerativa da minha pele, dai começou a surgir as primeiras celulites, manchas, ruguinhas… risos. Foi quando eu descobri que realmente me importo com isso e que preciso me cuidar. suas dicas são úteis e me instigaram a pensar em formas para começar a me cuidar mais em 2018.

  6. Daniele

    15 de Fevereiro de 2018 at 18:17

    Uso um monte de coisa, mas às vezes me dá uma preguiça!! Faz um tempo que tô pra comprar esse livro desde que vi aqui em um outro post! Fiquei bem curiosa para saber mais sobre a rotina das coreanas, que por sinal possuem uma pele linda!!

  7. Deby

    21 de Fevereiro de 2018 at 00:40

    Wow gostei mto desse seu post e os hiper links q vc colocou foram bem úteis, valeu!

  8. Aline Amorim

    21 de Fevereiro de 2018 at 08:23

    Que post maravilhoso! Foi tanta informação que preciso anotar!
    Depois que passei a tomar mais água notei uma grande melhora na minha pele, e como não gosto de tomar água natural, sempre tenho que acrescentar algum chá, limão ou fruta para dar um sabor e me forçar a adquirir esse hábito.
    Eu já escutei sobre vitamina C, mas não sabia que era tão benéfica assim.
    Amei mesmo esse post! Obrigada!
    Beijos

Leave a Comment