Construindo seu público 02

Eu falei sobre a diferença entre construir o seu público e angariar seguidores, lembram? Hoje vamos tentar definir o seu público, ou seja, as pessoas que de fato estão lendo o seu conteúdo.

Antes de se preocupar em divulgar as suas postagens para que o mundo conheça o quão fabuloso você é, tenha em mente quem é o seu leitor e quem você quer que ele seja – acredite, isso é importante. Acontece muito de termos um público alvo em mente mas não o atingirmos.

Será que você fala de verdade com quem você acha que está falando?

Tudo isso deve ser levado em conta na hora de definir o seu público e o seu conteúdo – você tem que falar com quem te lê. Você pode trabalhar para mudar o perfil das pessoas que te visitam ou pode permitir que essas pessoas mudem o perfil do seu blog – e eu recomendo que faça um pouco dos dois.

Definindo o seu público alvo (leitor ideal)

A primeira dica é olhar para si mesmo – até porque, você produz um conteúdo que ama e tem interesse, provavelmente é um tipo de conteúdo que você consome no blog dos outros, certo?  O leitor ideal é aquele para quem você quer escrever.

Use a sua imaginação para definir o perfil desse leitor: por quais assuntos ele tem paixão? O que o inspira? Que tipo de posts ele ama ler? De quais assuntos ele não gosta? Quais seus hobbies e paixões? Escreva tudo o que você espera das pessoas que te acessam!

O leitor ideal aqui do blog sempre foi: gente que curte inspiração, organização, DIY – tenho esse perfil em mente quando crio meu conteúdo. Só publico coisas que eu penso “wow, eu adoraria ver isso no blog de alguém”. Ou seja, o meu público ideal é: euzinha. Faz sentido?

Definindo seu público atual (leitor real)

A melhor forma de descobrir o perfil do seu público atual é através de pesquisa de público – mas o feedback dos seus leitores é bem importante também, por comentários ou redes sociais. Esse tipo de feedback permite que você trace um perfil real das pessoas que consomem teu conteúdo.

Qual o seu post mais comentado? Qual o mais compartilhado? Qual rede social o seu leitor usa com mais frequência para compartilhar seu conteúdo? O que seu leitor costuma comentar? Que tipo de post o seu leitor sempre te pede? Anote tudo isso e vamos para a pesquisa!

Citando o meu exemplo novamente: de um ano pra cá, eu descobri que meu maior público aqui no blog é de blogueiros. Isso se deu pois postei um conteúdo ou outro e percebi que o retorno foi bem positivo, ou seja, é com os blogueiros que eu falo. Eles não faziam parte do meu público ideal, foi uma linda surpresa.

Criando uma pesquisa de público

Você pode usar inúmeras ferramentas para criar uma pesquisa, mas a minha favorita é o formulário do Google Docs. Aqui vão algumas sugestões de informações que você pode coletar:

  • Cidade  e Estado em que reside;
  • Faixa etária;
  • Blogs que costuma ler sempre;
  • Se costuma fazer compras pela internet;
  • Que tipos de produto costuma comprar pela internet;
  • Se costuma pesquisar opiniões em blogs antes de efetuar uma compra;
  • Quais assuntos interessam mais;
  • Se gosta de assistir vídeos;
  • Caso positivo, canais favoritos;
  • Qual rede social usa com mais frequência;
  • Quais assuntos costuma consumir mais no seu blog;
  • Quantas vezes acessa o seu blog por semana;
  • Como costuma receber as novidades do seu blog (via feed, redes sociais, newsletter);

Acrescete tudo o que deseja saber do seu leitor, mas mantenha a pesquisa curta e rápida, além de divertida! Aconselho que mantenha anônima também, muita gente não gosta de se identificar.

Leitor ideal + leitor real

Está na hora de traçar o perfil do seu público! Deixa eu explicar o que eu falei lá no comecinho, sobre mudar o perfil do seu público e permitir que o seu público mude o perfil do seu blog:

  • Mudar o perfil do seu público implica em postar o conteúdo que você ama – independente do seu público atual gostar ou não. Seria o equivalente a postar o conteúdo que seu público ideal consumiria. Dessa forma, você atrai o seu público ideal e filtra o seu público atual, afinal, quem não gosta, não vai acessar.

Por exemplo: eu amo suculentas e adoro postar fotos do meu jardim. O meu público real não curte muito esse tipo de conteúdo e não faz tanta questão de ler. Mas continuo publicando: quem não gosta, não acessa – mas no final das contas acabo reunindo um grupo de leitores que é tão fã quanto eu para trocar figurinhas. <3333

  • Deixar que o seu público mude o perfil do seu blog nada mais é do que postar tudo aquilo que o seu público real gosta de ler  – por mais diferente que ele seja do seu público ideal.

Por exemplo: o meu público blogueiro, que ama dicas (como essa que estou dando agora). Eu ADORO falar sobre isso, mas o meu blog é pessoal e não é voltado exclusivamente a blogosfera. Portanto, busco sempre postar uma ou outra dica para essa galera que tanto adoro e me identifico. <3333

É importante balancear, descobrir o que seu público (real e ideal) quer ler e definir sobre o que você quer falar de verdade. Mas quando a gente escreve sobre aquilo que ama, a gente acaba atraindo gente com o mesmo perfil. Por isso que meu blog só tem gente fabulosa, né migos? RISOS <3

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Adorei o post, essas informções são realmente importantes para a gente conseguir um público mais participativo. E nesses dias eu estava pensando sobre pesquisa de público mas não sabia como fazer, então seu post veio na hora certa! :) Quando eu fizer a pesquisa, vou dar uma olhada aqui novamente.
    Ah, eu gosto demais dos seus posts sobre blogosfera, mas também amo outros assuntos como DIY, fotografia, etc. Tudo que você escreve é lindo! rsrs’
    Beijos!

    • Fico muito feliz em saber que vc faz parte do meu público ideal também! Tem muito artigo bom sobre pesquisa de público, recomendo que estude bastante para desenvolver uma pesquisa completa e que te ajude a entender quem te visita! <3 bjs

  • Nossa, esse post veio na hora certa. Às vezes fico meio perdida. Posto o que amo x posto o que os outros amam. Sabe, eu gostaria de um blog pessoal mais para poder encontrar pessoas que se identifiquem comigo e às vezes sinto que isso não acontece. Desmotiva um pouco. Chego a sentir que não me identifico tanto nem com o blog. Mas respiro fundo, e estou sempre procurando inovar e tentando acertar um conteúdo que verdadeiramente ME agrade, pois é exatamente o que você disse:
    “Só publico coisas que eu penso “wow, eu adoraria ver isso no blog de alguém”. Ou seja, o meu público ideal é: euzinha.” Sim, faz absoluto sentido.
    Minha pesquisa de blog tá pronta há séculos, sempre digo que uma hora eu coloco em prática e deixo pra depois rs.
    Beijos!

    • Olha, eu te entendo: faz ANOS que não publico uma nova pesquisa.
      Preciso providenciar urgente, pois meu conteúdo mudou muito de uns tempos pra cá – e meu público também! Mas justamente por isso: meu conteúdo muda junto comigo. Eu recomendo que vc busque sim publicar aquilo que vc ama, pois querendo ou não, o seu público ideal (aquele que tem a ver com vc) chega. Mas não deixe de fazer a pesquisa, vc pode descobrir muitas coisas legais sobre quem te lê! Beijos ;*****

  • Aah esqueci de falar, eu tentei entrar no grupo ORGblogando, mas está pendente. Como eu não uso um facebook pessoal, é só um perfil para criei para poder interagir com grupos, blogueiros e minha página do blog, não sei se poderia me aceitar.
    Beijos!

  • Esses seus posts sobre blogosfera são uma mão na roda, viu! <3
    E deixa eu perguntar, o meu blog é pequeno ainda e tem poucas visualizações. Já tem um tempinho que eu penso em fazer uma pesquisa de público, mas não sei se faço agora mesmo, ou espero ele "crescer" mais um pouco. O que você acha?

    Beijos, Lominha <3

    • Fico muito feliz que goste! Obrigada <3
      Olha, eu acho que vc deve fazer uma pesquisa sempre que sentir vontade de conhecer seu público. Talvez, conhecer agora seja bom para aprimorar seu conteúdo. Mas se para vc a quantidade de respostas for mais importante do que a qualidade, recomendo q vc espere. Beijocas ;***

  • As vezes, ou quase sempre eu penso “Ah! Será que vão gostar? Será que eles curtem?”, de imediato “Tanto faz, eu queria ler isso em algum blog, e eu realmente escrevo pra mim, até porquê meu blog é um hobbie” e afinal, não dá pra agradar todos ao mesmo tempo, não é?
    Um beijo <3

  • Oi Loma! No caso do meu blog, acho que o público ideal se aproxima imensamente do público real. Escrevo sobre as coisas que gosto, ideias que tenho e, como você disse, posts que gostaria de ver em outros blogs. E acho que as pessoas que acessam o Chez B. curtem esse conteúdo… claro que não 100% (já que é muito grande a variedade de assuntos), mas grande parte acredito que sim! Beijos e estou amando mais essa série sobre blogs :D

    • Isso é muito bom, Bruna! Quando seu público se identifica contigo e com o que vc ama! Lógico que não dá mesmo para agradar 100%, mas pensa que vc tem um público cativo para cada coisinha que fala, mesmo que ele não acesse exatamente tudo o que vc fala – e sim apenas um tópico ou outro! Boa sorte ;*

  • Como sempre eu adorei ler as suas dicas. Eu costumo pensar assim quando penso no público ideal. Mas ainda estou descobrindo o meu público real. O formulário será o próximo passo, logo logo. Já estou organizando o blog através do planner inspirada na sua planilha, mas acabei adaptando para uma tabelinha no ipad, já que eu gosto de organizar tudo por lá. Obrigada mais uma vez, Loma! <3

  • Eu quase nunca comento aqui, mas uma vez assisti em um vídeo que é sempre importante comentar e mostrar ao seu blogueiro ou vlogueiro que o conteúdo dele é bom e que ele deve continuar.

    Enfim…

    Amei o post, como sempre. Sou parte do seu público real, pois sou blogueira, haha. Tá, o que eu quero saber é o seguinte: eu fiz uma pesquisa de público há muito tempo (tenho até um banner na minha sidebar), mas quase ninguém respondeu, por que será? Pra você ver, o link é esse aqui: http://www.coisasdotempo.com/2014/10/posso-te-conhecer.html

    Será que estou fazendo algo errado? Será que é melhor excluir e fazer outro? Tem alguma sugestão?

    Beijos. Te adoro!

    • Vou ser bem honesta com você: a sua introdução citando o leitor fantasma me incomodou um bocado. Até pq, eu sou leitora fantasma de muitos blogs e me sinto culpada por não ter tempo de comentar sempre. A maioria dos leitores fantasma sentem esse peso na consciência.
      Deu a entender q vc está culpando a pessoa, tipo: “ei, vc, que não comenta, seu ingrato: pelo menos responde ai né” – não que essa fosse a sua intenção, mas sugiro fortemente que vc mude isso na introdução da pesquisa – é a sensação que está passando.
      Uma pesquisa precisa ser divertida e convidativa, até pq, as pessoas vão tirar alguns minutos do dia delas para responder.
      Recomendo que seja anônima, também. Não me sinto a vontade deixando meu nome – muito menos meu email – em pesquisas por ai. As pessoas se sentem mais confortáveis dando sugestões anônimas.

      Se vc abrisse essa pesquisa em outro blog, vc responderia? Deve pensar dessa forma.
      Um beijo e espero ter ajudado! Beijos ;*

  • Olá, Loma! Vou me repetir, mas é a verdade: amo os seus posts! Agora é a hora do mimimi (Rss). Tenho trabalhado duro nesses últimos dois meses de dedicação exclusiva ao blog, pois antes dividia meu tempo com outra atividade profissional. Porém, li em um site que os blogs, de certa forma estão morrendo e que devemos investir pesado nas redes sociais.
    Todo post que faço, compartilho nas redes e como você sempre recomenda, tento sempre aprimorar o meu conteúdo, sei que ainda sou meio crua, mas as suas dicas têm contribuído muitíssimo! Sei que você não é o oráculo (rss), mas acredito que, como profissional experiente possa escrever algo sobre o que rola pelo mundo a fora em relação aos blogs. De fato, eles estão morrendo? Será que eu deveria focar apenas no YouTube! Diga-nos, sábia Loma! Bjs, Mariana.

    • Não acredito que estejam morrendo, o que está acontecendo é que, por exemplo, os vlogs e o instagram estão sendo mais usados para conteúdo dinâmico. Acho que se vc investe em conteúdo bom, com diferencial, não vá te afetar. Não está me afetando – e eu uso as redes sociais para conteúdos distintos, sempre tentando conectar um ao outro. Não replico conteúdo, sabe? Em todas as minhas redes eu publico algo novo e diferente, que de certa forma possam convergir para o blog. Lá na gringa os blogs continuam com tudo! Da mesma forma que a TV não morreu com a internet, não há motivo para se preocupar. E se morrer mesmo, será daqui uns bons anos…

  • Que post incrível!

    Gostei da ideia de fazer uma pesquisa, pensarei em algo bacana para fazer depois do carnaval, afinal de contas esse tipo de pesquisa em época de férias não tem tanto retorno….
    Vou colocar a cabeça pra trabalhar um pouco para idealizar um público e depois descobrir quem ele realmente é. “)

    Beijinhos Loma!

  • Dicas maravilhosas =D
    Atualmente estou em deprê com meu blog. Eu mudo layout, deixo ele fofo, fiz váaaarias dicas que li por aqui e a cada dia cai mais meu número de visitas. Estou a cada dia mais me empenhando mais, com fotos produzidas por mim, conteúdo que dá trabalho pra fazer, mas cada vez menos retorno. Quanto menos retorno, mais tento me dedicar, até um planejamento de posts comecei a fazer há uns três meses, mas só caiii, caiii rsss aí tá complicado. Tô usando esse “cai cai” de incentivo e lendo aqui eu sempre me animo um pouco. Valeu pelas dicas =D

    • Ok, teu layout tá joia, teu conteúdo tá bacanudo. Mas vc tá divulgando? Tá participando de grupos? Tá oferecendo algo q faça seu leitor retornar sempre? Bora identificar onde que tá a falha e tentar fazer algumas mudanças, caso não esteja contente com seus acessos. <3333
      E tá de parabéns por usar esse descontentamento como motivação! Assim que descobrir o que está acontecendo, vc se joga nas alterações! ;*

      • Oi moça! Adorei sua resposta!
        Tô em grupos, to sempre dando share, coloco sempre em outras mídias também, chamando pro blog, comento em muitos blogs, porque acho importante essa coisa de relacionamento entre blogueiros, ainda to tentando descobrir o que fazer hahaha, um dia eu chego lá =D

        Valeu Loma!

  • Loma, suas dicas são muito uteis pra mim, sei que é a primeira vez que comento, mas já vim muitas vezes aqui ver suas dicas, como blogueira iniciante estou tentando fazer “tudo sabe” até meu layout fui eu quem dei um jeitinho fuçando e pesquisando, mas ainda fico um pouco insegura na hora de “saber divulgar” eu não gosto de ir no blog dos outros e falar “seguindo me segue de volta” e na maioria das vezes eu não gosto de deixar o meu endereço de blog no comentário mesmo que eu tenha comentado, pois acho que dá um ar de “SDV Disfarçado” mas vejo muitos fazendo isso no meu blog, as vezes nem sei como responder, divulgo em vários grupos no Facebook mas se você puder gostaria que fizesse algum post sobre uma divulgação que chame atenção do leitor sabe, daquele leitor que se interessa pelo assunto. Eu já vi algumas, mas dicas nunca são demais.
    Se você já tiver feito desconsidere, mas se não, vai ser uma boa pra muitos blogueiros :)
    Beijos, parabéns, seus posts são maravilhosos ^^

    • Tainá, vou ser bem sincera: se vc preenche a sua URL no campo de URL dos comentários, é mais do que suficiente. Eu não curto mto quando a pessoa deixa um comentário com a URL no campo de texto, acho forçado sim. Tenho um post todinho sobre as formas de divulgar seus posts e recomendo que tente seguir as dicas! ;) Beijos!

  • Eu acho isso extremamente complicado! rsrsrs Eu já tenho uma ideia do público que me visita pois sempre acompanho pelo Analytics e quais as coisas que eu gosto de escrever e tento cruzar com o que eu “precisaria” escrever pra render mais atenção ao blog e levar o SEO em conta.
    É quase uma receita de bolo isso xD

  • Oi Loma, tudo bem?
    Achei muito interessante a dica dessa segunda postagem. As vezes, depois que retornei para o mundo blogueiro, por o meu blog ter uma característica literária fico com medo de postar sobre outras coisas, mas tenho experimentado e o resultado tem sido bem interessante. Vou me arriscar mais e postar mais sobre coisas que gosto além dos livros. Abraços,
    Amanda Almeida

  • Como sempre, a Lominha arrasando nas dicas.
    Estou seguindo passo a passo tudo o que você escreve Loma, e o retorno, até agora, está sendo bem positivo.
    Obrigada por ajudar tanto a gente assim, mesmo postando de vez em quando, hahaha
    Abraços!

  • Mais uma vez você está arrasando!
    Eu precisava de um texto assim. Criei uma pesquisa de público também e conforme tô vendo as respostas, percebo que tenho que falar para os dois.

    Valeu Lominha!

    • Eu vejo os meus posts mais compartilhados usando o CoSchedule, uma ferramenta que eu assino. Acredito que existe algum plugin ou ferramenta que faça esse serviço, mas preciso pesquisar.

  • Lominha,
    Eu tenho um blog que inicialmente devia ser de lifestyle e viagens, porque eu era hospedeira de bordo (aeromoça no Brasil! ) e para além de viajar muito a trabalho também passava muitos fim‑de‑semana com o meu namorado, sempre em sitios paradisíacos! Então no blog eu partilhava muito isso! Viagens e hotéis! E também algumas histórias e pormenores da nossa vida de casal!
    Entretanto uma parte de mim é mega vaidosa, então eu comecei a falar de maquilhagem!!! E ás vezes também falo de comida fit e desporto.
    No fundo no fundo, eu sou mesmo o publico ideal! Porque o blog é a minha cara!!! :)
    Mas o meu publico alvo divide-se em 2 grandes tranches: as vaidosas (maquilhagem) e os viajantes ( viagens). O que me deixa muitas vezes confusa, porque ás tantas dou comigo a pensar que estou a tentar agradar gregos e troianos!!!! :(
    Não sei se desisto de uma parte, em prol da outra; ou se é a mistura caótica que faz o meu blog resultar!!!! Afinal eu gosto de tudo….
    Beijinhos grande e desculpe o desabafo!

  • Agora mesmo tô indo meditar sobre meu público ideal, definitivamente preciso traçar minha identidade na blogosfera, eu protelei muito isso, fica meio bagunçado entre blog de texto, blog de fotografia, blog pessoal, e aí uma dica… Vamos definir né miga hsuyahsua
    Mais pra frente vou fazer a pesquisa de público, já até pensei em algumas perguntinhas haha