5 coisas para fazer em Praia Grande (SP)

Será que todo mundo sabe que eu moro em Praia Grande, no litoral de São Paulo? Não faz muito tempo, recebi algumas mensagens na página do blog de leitoras surpresas com esse fato. Sei que meu bronzeado escritório não condiz com minha localização geográfica, mas sou daquelas que faz programa de índio.

O Rotaroots propôs uma blogagem coletiva para que possamos conhecer melhor onde cada blogueiro mora. Então agora é a hora de mostrar o que Praia Grande pode te oferecer, além de 23 km de praia e muita virose! <3

1. Stand Up Paddle

Eu já fiz SUP na praia do Canto do Forte e já falei sobre a experiência nesse post. É aquele esporte em que você rema em pé, na prancha, e pode ser praticado por pessoas de 4 a 64 anos. É um programa delicioso e a praia do Canto do Forte é a minha favorita da cidade. Dê preferência para horários em que o sol não esteja forte: de manhã ou no fim da tarde.

Onde: SUP Rema Forte (na área de recreação náutica – em frente à Sabesp)
Quando: todos os dias, das 8h às 19h.

2. Feirinhas de Artesanato

Eu acho que todo mundo que visita Praia Grande já passou por alguma feirinha de artesanato. Nós temos 5 delas, espalhadas pela cidade e cheias de: coisinhas baratas, turistas, churrasquinho e doces. As que eu mais frequentei na minha vida foram as feirinhas do Boqueirão (quando criança) e da Cidade Ocian (quando adolescente). Hoje eu caminho até lá com minha mãe, quando a gente fica com vontade de comer bomba de chocolate.

Existe um feirinha na Vila Mirim, na Avenida dos Sindicatos, que costuma abrir aos finais de semana. Lá você encontra o yakissoba mais gostoso dessa cidade toda! Te juro: fica no quiosque Cantinho Oriental.

Onde: praça Portugal, no Bairro Guilhermina; Espaço Ocian, no núcleo de mesmo nome; Nossa Senhora de Fátima, no Caiçara e Carlos Gomes, no Solemar;
Quando: das 13 às 22 horas aos sábados, domingos, feriados.

3. Festa da Tainha

Eu espero o ano todo por essa bendita, que acontece no inverno. É um evento gastronômico (vai, gordinha!) em que diversos pratos são praparados com a tainha, essa coisa maravilhosa! A mais vendida é a tainha assada, que acompanha farofa, arroz, enfim, alimenta 4 pessoas!

Onde: esse ano acontecerá em novo local (segundo a página do evento).
Quando: datas a confirmar, mas acontece em julho.

4. Fortaleza de Itaipú

Começou a ser construída em 1902 e é roteiro obrigatório das excursões que a gente faz no ensino fundamental. Possui 8km (contando com ida e volta) e abriga o 2º Grupo de Artilharia Antiaérea (GAAAe) José Bonifácio e Fernando de Noronha – faz parte d ahistória do nosso país e é uma delícia de visitar.

Formada pelos fortes Duque de Caxias, Jurubatuba e General Rego Freitas, a Fortaleza de Itaipu foi o local onde Pelé prestou serviços militares em 1959. Está situada numa pequena serra litorânea de Praia Grande e moldura o costão sul da baía de Santos, em plena área de preservação ambiental. Uma ótima trilha e passeio cultural – além de um lugar maravilhoso para fotos.

Onde: Avenida Marechal Mallet, 1, no Canto do Forte.
Quando:  terça a domingo, com saídas de comboios de veículos programadas para três horários: 10h, 14h e 16 h.

5. Palácio das Artes

Criado há 5 anos, o PdA é o nosso teatro bonito e charmoso. Peças de teatros, cursos livres e tudo que envolve a Secretaria da Cultura de Praia Grande acontece por ali – inclusive eventos de artesanato. Pra ficar de olho na agenda, só visitar esse link.

Onde: Avenida Presidente Costa e Silva, 1.600 – Boqueirão (na rotatória).

E não esqueça que na Praia Grande você também pode visitar a Lominha! ;)

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *